quarta-feira, 1 de agosto de 2012

O Capitão voltou! (E como voltou!)


Saudações Tricolores

Seis meses após uma delicada cirurgia no ombro, o M1TO voltou a vestir a camisa 01, subiu as escadarias que dão acesso ao gramado do Morumbi e iniciou uma partida como goleiro do São Paulo FC.  

Sua atuação contra o cambaleante Flamengo –  pela 13ª rodada do Brasileirão – não chegou nem perto de ser uma daquelas partidas que o consagraram como o maior goleiro de todos os tempos. A falta de ritmo e algumas dores musculares – aceitáveis pelo fato de ter passado tanto tempo dentro do REFFIS – eram visíveis, entretanto, só a presença de Rogério Ceni debaixo das traves tricolores fez toda a diferença na goleada por 4 a 1. Nosso sistema defensivo, por exemplo, jogou como nunca. Os questionados zagueiros se tornaram verdadeiros paredões e foram quase perfeitos diante do ataque carioca.

Outro sintoma do “efeito Ceni” pôde ser visto nas arquibancadas: mais de 33 mil são-paulinos foram assistir a volta do M1TO no Cícero Pompeu de Toledo – mesmo depois de uma vergonhosa derrota diante do então lanterna Atlético - GO.

Porém, mais emocionante do que a dedicação da equipe e a festa da torcida na tarde do último domingo foram as imagens do nosso capitão na preleção antes de sua reestreia. Em poucas palavras, Ceni cobrou raça e demonstrou todo o amor à camisa três vezes campeã do mundo. Indescritível! Qualquer comentário sobre o depoimento de RC será muito vago. Veja o vídeo e tire suas próprias conclusões.


video

Nenhum comentário:

Postar um comentário